A Secretaria Municipal de Saúde de Lagoa da Prata, por meio do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), intensifica neste mês os trabalhos de prevenção contra o suicídio. As ações fazem parte do ‘Setembro Amarelo’ – uma campanha mundial que visa as discussões sobre a valorização da vida.

No dia 10 de setembro aconteceu uma passeata nas ruas mais próximas à Praia Municipal. Participaram os usuários do CAPS junto com seus familiares, os profissionais da unidade, e até mesmo adolescentes que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). Um dos objetivos foi chamar a atenção das pessoas para que fiquem em alerta quando algum amigo ou familiar apresentar sinais de desejo do auto extermínio.

Logo após, os participantes foram recebidos no Salão Comunitário Imaculada Conceição para uma ‘roda de conversa’. Nesta ação, a equipe de psicólogos e a assistente social do CAPS falaram sobre as questões do suicídio, e abriram espaço para que o público fizesse seus questionamentos. As discussões foram principalmente acerca do apoio que deve ser dado a alguém que menciona vontade de suicidar e, claro, da importância de pedir ajuda quando se sentir nesta situação. De acordo com a psicóloga Eliana Delfino, mostrar para aquela pessoa que ela não está sozinha, dando atenção, apoio e bons conselhos reduz consideravelmente o risco do auto extermínio.

 

Administração 2017/2020 – De mãos dadas com o povo.

Não há comentários para este post

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos marcados com (*) são obrigatórios.

Skip to content